NOTÍCIAS
13/03/2013
DIA MUNDIAL DO RIM

Excesso de sal e proteína pode afetar rins e aumentar risco de cálculo renal
Ver a cor da urina ajuda a identificar se paciente bebe muita água ou não. Ideal é tomar de 2 a 3 litros de água por dia para manter corpo hidratado.

Embora sejam pequenos, os rins são extremamente importantes para o funcionamento do corpo e para a saúde. De maneira geral, eles são responsáveis por eliminar as toxinas do sangue por um sistema de filtração, além de regular a produção de glóbulos vermelhos e a pressão sanguínea.

De acordo com o urologista Fabio Vicentini, as pessoas nascem com 100% da função dos rins, porém, depois dos 40 anos de idade, elas começam a perder cerca de 2% dessa função por ano. A alimentação é essencial para preservar a saúde dos rins - excesso de sal e proteína é o maior vilão do funcionamento renal. No caso do consumo exagerado de proteína, os rins podem se sobrecarregar e desenvolver uma inflamação que pode até entupir a passagem do sangue - isso pode fazer o paciente chegar aos 60 anos sem o funcionamento renal.

Em relação ao consumo de sal e açúcar, o nefrologista Décio Mion explica que esses dois alimentos podem levar o paciente a desenvolver pressão alta e diabetes, doenças que se não tratadas corretamente, podem levar à falência total dos rins. Como lembrou o médico, o controle da pressão arterial também é uma das funções desses órgãos e, se eles não funcionam, a pressão pode aumentar e causar inchaço. Por isso, a dica é usar o mínimo de sal no preparo dos alimentos e nas refeições.

Fonte: G1 Bem Estar

PDF

Para visualizar clique no icone

NEWSLETTER
digite seu e-mail:
DESTAQUES
PALESTRA MOTIVACIONAL "DESPERTE O GIGANTE QUE EXISTE EM VOCê!"
...
GPACI FAZ EVENTO PARA AGRADECER DOAÇÕES E PRESTAR CONTAS À COMUNIDADE
Habilitado como serviço de alta complexidade em oncologia pediátr ...
BAZAR GPACI
Próximos dias 11 e 12 de março será realizado mais um Bazar do GP ...